Acadêmicos do Salgueiro divulga mascote oficial

‘Sabiá’ foi apresentado durante a live de aniversário da agremiação

Sabiá, mascote da escola de samba Acadêmicos do Salgueiro. Foto: Divulgação/Everton Pereira

Nesta última sexta-feira (05), a escola de samba Acadêmicos do Salgueiro realizou uma live em comemoração ao seu aniversário de 68 anos. Durante o evento foram cantados pelo intérprete Emerson Dias, diversos sambas que marcaram a história da agremiação, tendo a participação dos casais de mestre-sala e porta-bandeira, da rainha de bateria Viviane Araújo, e do cantor Xande de Pilares.

Ao final da live, a escola anunciou o seu mais novo integrante, o mascote “Sabiá”, que homenageia o presidente de honra do Acadêmicos do Salgueiro, Djalma de Oliveira Costa, mais conhecido como Djalma Sabiá, que faleceu aos 94 anos de idade, em 2020. 

Levando o lema “Nem melhor, nem pior…apenas uma escola diferente”, o Salgueiro foi a primeira escola de samba a apresentar um mascote. Além de participar dos desfiles, o “Sabiá” estará presente em eventos do cotidiano da agremiação. Segundo o diretor de marketing da vermelha e branca, Nelson Andrade, a ideia de desenvolver o personagem partiu da necessidade de inovar dentro deste segmento, além de provocar empatia com o público em geral.

Além da homenagem ao presidente de honra, o “Sabiá” foi escolhido por ter um canto marcante e melodioso, e tem como padrinho, o jornalista, escritor e torcedor salgueirense, Haroldo Costa. “É uma honra apresentar essa inovação, entre tantas feitas pelo Salgueiro ao longo de sua história. A ideia é brilhante. Tenho certeza de que o Sabiá vai conquistar o coração de todos, não importa a idade”, afirma Haroldo.

Artigo de

Victoria Vianna