Fecham-se as cortinas, mas o espetáculo não terminou ainda

venetian mask, candle, feathers
Foto: Pixabay.com

O Carnaval é a maior ópera e teatro de céu aberto do mundo. O maior espetáculo da terra, jamais visto em outro planeta.
Uma relação de Ópera e Teatro ao Carnaval, no teatro tem o diretor que escreve a peça teatral e escolhe seus atores, passando os roteiros para eles estudarem.


No Carnaval, temos os presidentes e diretores que escolhem o carnavalesco, e que juntos, definem o enredo da agremiação. Depois, o carnavalesco faz uma pesquisa e escreve a sinopse do enredo, fazendo a montagem do mesmo para a avenida, e no fim, entrega aos compositores para compor o samba enredo que irá para a avenida.


No teatro, são escolhidos os figurinos que os atores irão usar durante a apresentação da peça teatral, e no Carnaval são feitos os pilotos e entregues às costureiras para a confecção das fantasias que os componentes irão usar durante o desfile.
No teatro, temos também os ensaios para deixar tudo pronto durante a apresentação, assim como as escolas de samba têm os ensaios para mostrar tudo na avenida.


No teatro, temos o palco aonde os atores se apresentam no Carnaval. Este palco é a avenida onde também os atores que se apresentam são os componentes das escolas de samba.

Temos a plateia no teatro, assim como temos o público no Carnaval. No teatro são divididos em atos cada apresentação, e no Carnaval são divididos em alas durante o desfile na avenida, que vai contando o enredo.


No teatro, temos os críticos que avaliam a peça teatral e dão suas notas. Se a peça é recomendável ou não, pode-se ter aplausos como também vaias ou críticas. No Carnaval, também temos os críticos, que são chamados de avaliadores de Carnaval, ou julgadores, que analisam o desfile de cada agremiação na avenida, e através de suas analises técnicas, dão suas notas e suas justificativas a cada quesito de cada escola.


Tanto no teatro como no Carnaval, temos emoções que nos levam à risos, choro, dramas, história reais e surreais. São através destes espetáculos que muita gente consegue entender mais um pouco da história do Brasil e do mundo, onde os atores fazem suas encenações e demonstram como é a realidade. O dia a dia de cada um de nós.


Acaba-se o espetáculo e o desfile. Só nos resta aguardar para ver o resultado foi satisfatório ou não. Para alguns, serão alegrias e, para outros, choros, porém com uma certeza de que o trabalho foi bem feito e bem aceito por todos. Basta sentarem novamente e recomeçarem tudo para o próximo espetáculo.


Este ano, tivemos uma pandemia que fechou as cortinas destes palcos maravilhosos do teatro e do Carnaval. Mas o espetáculo jamais se apagará ou acabará. Ficamos com a certeza e a fé em Deus que em 2022, teremos espetáculos fantásticos, porque viremos mais fortalecidos do que nunca.


Fecham – se as cortinas, mas o espetáculo não terminou ainda.

Artigo de

Comendador Rilson