Como o Marketing de Crescimento pode ser explorado em tempos de pandemia?

São Paulo/SP 5/1/2021 – É de extrema importância otimizar os processos para criar um ciclo de melhoria contínua não apenas em cenários como o da pandemia, mas de forma frequente.

Cenário de isolamento social trouxe à tona a necessidade de rápida transformação nos negócios.

O cenário de pandemia, com crise e momentos incertos, surgido em 2020 afetou diretamente as relações comerciais e, segundo o estrategista de Marketing Digital, Gilberto Américo Just de Novaes, isso tem tudo a ver com o Marketing de Crescimento. “Nestes momentos de retração econômica, nós, empresários marketeiros, precisamos ser mais criativos e entender ainda mais sobre o público-alvo, aplicar técnicas e processos ágeis para nos adaptar e nos mover mais rápido do que o próprio mercado”.

Para compreender melhor os conceitos e a relação em comum com a situação atual, o especialista lembra a diferença entre o Marketing Tradicional e o Marketing de Crescimento. “O Marketing Tradicional foca em um caminho de descoberta que vai direto para a aquisição/compra, enquanto o Marketing de Crescimento trabalha todo o funil de vendas: descoberta/interesse, consideração/intenção e avaliação/compra.”

Uma pesquisa das empresas de dados Ebit/Nielsen, em parceria com a Elo, realizada em julho de 2020, já apontava o aumento de 47% no faturamento com as vendas on-line no Brasil no primeiro semestre deste ano, totalizando 38,8 bilhões de reais, sendo feitos, ao todo, 90,8 milhões de pedidos entre janeiro e junho/2020. Outro dado significativo do setor é o trazido pela Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm), que mostra a criação de 150.000 novas lojas online no Brasil de março a julho deste ano. 

Neste contexto vivido pela pandemia, de acordo com Novaes, o trabalho do profissional de Marketing de Crescimento é fazer o negócio crescer rapidamente de todas as formas possíveis, gerando dados que podem ser usados para aprendizado e melhorias, continuando a otimização do funil de vendas e acelerando o crescimento. “Um exemplo é a metodologia Lean Startup, um dos fundamentos utilizados por empresas no Vale do Silício, onde normalmente inicia-se admitindo que não se sabe realmente o que o público-alvo quer, mas, quando se descobre, já é possível começar de forma mais assertiva o desenvolvimento do produto que atenda às necessidades do mercado.”

Para Novaes, o Marketing de Crescimento pode ajudar as empresas a encontrarem alguns drenos que fazem dispersar atenção, tempo, recursos financeiros e humanos, o que traz uma baixa performance para a empresa e uma significativa perda de competitividade no mercado. “Esse desmembramento em etapas do funil de vendas faz com que diminua a fricção do cliente em todo o processo da jornada do consumidor fazendo a entrega da mensagem correta no momento certo.”

Para finalizar, como o objetivo deste segmento do marketing é crescer o negócio em todos os aspectos e em qualquer cenário, o estrategista dá algumas dicas para este caminho. “É de extrema importância construir hipóteses, realizar testes, eliminar as falhas e otimizar os processos para criar um ciclo de melhoria contínua não apenas em cenários como o da pandemia e de crises, mas de forma frequente”, finaliza.

Artigo de