Pesquisa mostra como está sendo o uso de máscaras pelos brasileiros

15/10/2020 –

Apesar do alerta de especialistas, parte da população ainda encontra resistência no uso da máscara de proteção, segundo pesquisadores.

Desde abril, medidas preventivas contra o coronavírus estão sendo adotadas em todo o País. Entre os novos hábitos exigidos, o uso de máscaras de proteção em lugares públicos é uma das principais recomendações de especialistas, o que exige conscientização da população para ser efetiva.  

Uma pesquisa realizada pela OpinionBox investigou como o uso da máscara de proteção tem sido feito pela população brasileira. Os dados foram coletados em agosto, com entrevistados de todas as regiões do Brasil. Entre os entrevistados, 82% afirmaram que utilizam a máscara de proteção de forma correta, cobrindo boca e nariz sem tirar do rosto. 

Apesar do percentual elevado, o estudo mostra que 1 em cada 5 pessoas utilizam a peça de forma equivocada, deixando no queixo ou guardada para usar apenas quando alguém está por perto. Além disso, 62% citam o desconforto ao respirar e 42% dores na orelha como problemas relacionados ao uso da peça. 

Para proporcionar mais conforto, a Máscara KNIT Fiber possui design anatômico que se encaixa ao rosto e formas estruturadas que diminuem a sensação de sufocamento ao respirar. E ainda, com uma tira única feita com elastano, a máscara não pressiona as orelhas, garantindo o bem-estar ao longo do uso. 

A Máscara KNIT é vendida na loja virtual da marca. Para saber mais e realizar compras acesse www.mascaraknit.com.br.

Website: http://www.mascaraknit.com.br

Artigo de