Módulo Gestão de Contas M2M chega para diminuir tempo operacional e minimizar custos com o gerenciamento de Sim Cards

1/10/2020 – Com a funcionalidade gestão automatizada de fatura, é possível verificar planos de contratos ativos, acompanhar cancelamentos, bloqueios, entre outros.

Recurso até então inexistente no Brasil, foi desenvolvido para auxiliar empresas que possuem grande número de linhas (chips) a identificar erros de cobrança e reduzir custos operacionais.

Desenvolvido para calcular valores devidos, identificar erros de cobrança e gerar economia, o módulo gestão de contas M2M chega para facilitar o dia a dia das empresas que possuem um grande parque de Sim Cards. Com ele é possível apurar automaticamente o valor devido de cada fatura, além de contestá-las de forma segura. A comparação pode ser realizada em segundos, evitando que seja necessário analisar as contas individualmente.

V.eye: Primeira plataforma para Gestão de Contas M2M

Software de gestão ágil e completo de dispositivos M2M – IoT, o V.eye traz uma nova versão da plataforma. “Utilizamos nosso conhecimento de 12 anos de mercado para chegar nessa versão da plataforma e com a certeza de que o V.eye vai tornar inteligente a gestão de conectividade de muitas empresas brasileiras”, afirma o CTO Israel Peixoto. Com a funcionalidade gestão automatizada de fatura -primeira plataforma no Brasil a contar com esse recurso – é possível verificar planos de contratos ativos, acompanhar cancelamentos, bloqueios e suspensões, gerenciar a disponibilidade de bloqueio Anatel, controle dos custos com conectividade, além de ser possível gerenciar linhas e dispositivos IoT.

A plataforma também conta com o módulo de Conectividade. Lá é possível visualizar os dados de conexão linha a linha, obter extratos detalhados e assertivos da performance de conectividade dos dispositivos. Já no módulo SMS é possível configurar os dispositivos remotamente e fazer envio múltiplo de SMS para todos os equipamentos. Dessa forma o V.eye garante gestão simples e eficiente, possibilitando que o cliente centralize toda operação e gestão de linhas e dispositivos em um único lugar. Isso impacta diretamente na tomada de decisões mais inteligentes, direcionamentos assertivos de recurso e agilidade na resolução de problemas.

Criado em 2016 pela empresa gaúcha VirtuEyes, que há mais de uma década dedica suas pesquisas ao aperfeiçoamento da gestão da conectividade, o V.eye primeira plataforma de gestão automática do segmento M2M, é capaz de unir todas as operadoras em uma só plataforma, ajudando a alcançar o potencial máximo de conectividades entre os dispositivos.

IoT: a Tecnologia do agora

Segundo estudo de IoT na América Latina 2019 realizado pelo Inter-American Development Bank, a projeção do número de dispositivos de IoT no Brasil até 2023 é de 416 milhões.

Vista antes por algumas empresas como algo somente para futuro, a Internet das Coisas, passa a ser encarada como a realidade do agora. É o que contam os participantes do Fórum das Operadoras Inovadoras, durante painel sobre IoT. Após atravessar um momento de retração, o mercado passa por amadurecimento com foco em oferecer soluções mais simples, e vê aumento intenso de procura pela tecnologia. Com a pandemia, os avanços digitais se mostraram importantes para a sociedade e as conexões M2M indispensável. De acordo com pesquisa global da IFS 70% das empresas aumentaram ou mantiveram seus gastos em TI nesse período. A tecnologia se mostra como o diferencial para facilitar e melhorar o dia a dia das organizações.

O V.eye

O V.eye é uma plataforma multi operadora desenvolvida pela Virtueyes em 2016 para facilitar a gestão de conectividade em empresas de Internet das Coisas com as operadoras Telecom. Dentro do V.eye é possível gerenciar todo o parque de SIM Cards em poucos cliques.

Na plataforma é possível:

• Visualizar o parque de linhas por status de ciclo de vida;
• Fácil identificação de linhas bloqueadas, ativas, canceladas, e prazos contratuais;
• Controle e gestão de forma automatizada sobre a regra de bloqueio ANATEL de 120 dias (permitida 1 vez ao ano)
• Fazer apuração da conciliação das faturas;
• Abrir protocolo de contestação junto às telecoms;
• Acompanhar as tratativas e devolutivas;
• Encaminhar a fatura corrigida para pagamento, evitando cobrança indevida.

Website: https://site.veye.com.br/

Artigo de