Infertilidade masculina corresponde a 50% na dificuldade de engravidar

São Paulo 29/9/2020 – A infertilidade masculina pode ocorrer por vários fatores. Alguns deles acompanham os homens desde seu nascimento

A infertilidade é comumente associada as mulheres. Entretanto, fatores masculinos como a varicocele, fatores hormonais ou genéticos e estilo de vida impedem a concepção também

Antigamente, quando um casal não conseguia ter um filho, os olhos de todos se viravam para a mulher. Com o passar do tempo, percebeu-se que os fatores que dificultam uma gravidez natural vêm de ambos os lados, dando espaço para o diagnóstico e tratamento da infertilidade masculina.

A infertilidade masculina pode ocorrer por vários fatores. Alguns deles acompanham os homens desde seu nascimento, enquanto outros são decorrentes de hábitos de vida, atividades laborais e demais fatores de risco correspondentes as atividades exercidas por este indivíduo.

Segundo os médicos especialistas em reprodução humana assistida da Mater Prime, é importante salientar que quando o assunto é infertilidade conjugal não existe um culpado. “Na verdade, tanto o homem quanto a mulher dividem a possibilidade de maneira igual — sendo que 30% dos casos é fator masculino exclusivo e 20% é um fator misto, ou seja, um fator masculino associado ao fator feminino”, explica o ginecologista obstetra e especialista em reprodução humana assistida Dr. Rodrigo Rosa.

O médico, diretor clínico da Mater Prime, explica ainda que é necessário averiguar as causas da infertilidade do casal, sendo comum muitos homens se assustarem quando o diagnóstico de infertilidade é direcionado a eles. “Quando um casal está há mais de 12 meses na fase de tentante sem sucesso, é importante aconselhamento médico para identificação das causas da infertilidade”, enfatiza o especialista.

Causas comuns de infertilidade masculina

De todas as possíveis causas de infertilidade masculina, a de maior prevalência é a varicocele, tanto que a Sociedade Brasileira de Urologia (SBU) enfatiza a necessidade de o homem consultar-se de forma regular com um urologista como forma de detecção precoce e tratamento da condição. Isso deve-se ao fato de a varicocele ser assintomática, na maioria das vezes, e ocasionada pela dilatação das veias testiculares.

A grande maioria dos diagnósticos dessa doença ocorrem apenas quando começam as tentativas de engravidar a parceira. Por vezes, o tratamento de maior eficácia é a cirurgia, demandando atenção, cuidados e mais tempo para que se consiga a concepção de forma natural.

Outro fator recorrente de infertilidade do homem está relacionado a fatores genéticos.  A alteração na estrutura dos cromossomos pode levar à infertilidade masculina, impactando na qualidade do material biológico produzido. Caso a gestação natural ocorra, o bebê tem mais chances de nascer com alguma anomalia.

 Outro fator que também costuma impactar a fertilidade do homem é a azoospermia. Ela se caracteriza pela ausência de espermatozoide no sêmen, sendo necessário alguns protocolos para que seja extraído espermatozoides diretamente do testículo ou epidídimo para a realização de um tratamento de reprodução humana, como a Fertilização in Vitro (FIV).

Independentemente das causas da infertilidade, é importante que esse homem faça os tratamentos indicados para restaurar a fertilidade. Quando se esgotam todas as possibilidades, esse casal pode contar com a doação de sêmen. “Hoje temos bancos de sêmen nacionais e internacionais que atendem de forma eficaz a diversos casais. O importante é que eles não desistam do sonho”, conscientiza Dr. Rodrigo Rosa.

 

 

Website: https://materprime.com.br/

Artigo de