HRTech reúne dados de 372 empresas em estudo inédito sobre os impactos da Covid-19

São Paulo 21/9/2020 –

A Reachr, pioneira em inteligência artificial para recrutamento de pessoas traz profissionais da área para debate online gratuito no dia 24

Com a epidemia da Covid-19, a organização do espaço de trabalho e a relação entre colaboradores e liderança foi radicalmente modificada, não só pela implementação do home office como também pela necessidade de novas estratégias de RH. Como cuidar das necessidades individuais dos funcionários, atender novas demandas para cargos gerenciais e trazer dinamismo e segurança para um ambiente de trabalho já comprometido pela incerteza da pandemia? Foi pensando nisso que a Reachr, HRTech de recrutamento e seleção digital, realizou uma pesquisa com 372 empresas de 22 setores econômicos para entender os impactos e principais mudanças trazidas pela Covid-19 na área de recursos humanos. 

Nesse cenário complexo, a Reachr continua cada vez mais participativa e atenta em relação à assertividade das contratações e a longevidade das empresas, utilizando a Inteligência artificial e a experiência de mais de 20 anos de mercado. “Mais do que nunca, é importante aperfeiçoar o papel do recrutamento em pequenas e grandes empresas, dando mais agilidade, confiabilidade, reduzindo custos e lembrando que a dinâmica do dia a dia de trabalho mudou: com a prevalência do home office e a reestruturação das equipes, é essencial repensar as maneiras de contratar e entender como as novas equipes funcionarão a partir das mudanças estabelecidas em 2020”, explica Marcelo Braga, fundador da Reachr. 

Para explicar detalhadamente esse cenário, o executivo revelará os resultados obtidos no estudo em uma Live gratuita no próximo dia 24/09, ao lado de um time de experts na área  e conselheiros da startup:  Gustavo Mançanares Leme, executivo de RH; Paulo Perrotti, Advogado da LGPDSolution  e presidente na Câmara de Comércio Brasil-Canadá e  Valéria Fernandes, Executiva Sênior de RH e Especialista em Reestruturações Organizacionais e RH.  

A live contemplará questões essenciais para o mercado de trabalho, abordando temas como a performance dos funcionários e gestores com a realidade do home office; a relação trabalhista e a saúde emocional das equipes em tempos de pandemia e incerteza econômica; a necessidade de investimento em ferramentas de trabalho digital, tecnologia e inovação; e quais estratégias marcarão os próximos meses. Mais do que levantar questões, a intenção da live é oferecer soluções e prospectos reais a partir das tendências analisadas neste estudo, sempre sob a ótica de profissionais renomados da área.

“Pelos resultados observados nesta pesquisa, podemos concluir que as ações agora se voltam para a busca de processos que possam trazer reduções de custos e maior eficiência na operação”, analisa Marcelo Braga, que durante a live explicará com detalhes quais processos bem-sucedidos foram adotados pelas empresas nos últimos meses, para a partir desta análise de dados, a Reachr oferecer serviços ainda mais qualificados para um mercado de trabalho em constante evolução. “Nosso objetivo sempre foi e sempre será oferecer uma forma simples de recrutar, com baixo custo, redução do tempo de contratação, melhoria da qualidade dos profissionais e trabalhar sempre a marca empregadora de forma global”, completa Braga.

Para assistir a este debate e ter acesso ao estudo realizado pela Reachr na íntegra, basta se inscrever: https://bit.ly/3c42WGo. A live acontecerá no dia 24/09, às 18h.

Sobre a Reachr:

A Reachr, HRTech focada em fazer o “match” entre empresas e colaboradores, une o vasto conhecimento de seus sócios fundadores na área de hunting à tecnologia da inteligência artificial e machine learning para garantir assertividade nos processos de recrutamento, reduzindo consideravelmente os turnovers nas empresas. Fundada em janeiro de 2016 a startup oferece uma das mais completas ferramentas para empresas e candidatos respondendo aos principais entraves de contratação para a área de RH. 

Website: http://www.reachr.com.br

Artigo de