Um grande nome da nova geração no quesito Mestre-Sala e Porta Bandeira: Waleska Gomes

Acervo Pessoal – Waleska Gomes

Waleska Gomes é a atual porta bandeira oficial da Acadêmicos do Tucuruvi. Nascida e criada no mundo do carnaval e começou seus passos bem cedo. Filha da rainha do carnaval e de um diretor da Vai-Vai (In Memorian​) foi aluna da Amespbesp no ano em que o curso foi ministrado na quadra da Tucuruvi.

É formada, bailarina clássica e dançarina de jazz. Atualmente é professora de Class Baby e viaja o mundo encantando com sua dança. Waleska Gomes é um dos grandes nomes do quesito da nova geração, já que vive para o carnaval e da dança.

Sua trajetória como Porta-Bandeira iniciou-se aos 8 anos de idade, na escola de Samba Unidos de São Lucas como Porta-Bandeira Mirim e depois seguiu para Tom Maior, onde ficou por 5 anos. Logo percebeu que queria alçar voos maiores e então foi adiante. Passou por algumas agremiações como Unidos de Vila Maria e Águia de Ouro até que o convite para se tornar Porta-Bandeira oficial chegou através da Independente Tricolor.

Waleska nos fala que sua estréia na Independente foi um desafio enorme por conta dos fatores astrológicos daquele dia, logo ela não desistiu e toda a situação vivida serviu como experiência para sua vida. A Porta-Bandeira enfatiza que nem sempre foram flores e  que até as coisas darem certo, muitas coisas também deram errado, seguiu mesmo com suas expectativas frustradas naquele ano, ela continuou.

Waleska recebeu o convite para substituir Camila, a Porta-Bandeira oficial do Morro da Casa Verde, que havia se afastado por conta da sua maternidade. Passado o Carnaval, Waleska entrega o pavilhão de volta a Camila e novamente fica sem escola.

Quando menos espera, recebe a ligação da diretoria do Zaca para ser Porta Bandeira oficial juntamente com Kawan Alcides. Ela nos conta com muita emoção sobre sua chegada na Acadêmicos do Tucuruvi, agremiação que tem muito carinho e orgulho em falar e que sua estréia foi maravilhosa e mágica.

Acervo Pessoal

Além de tudo, acompanhada da tão sonhada e esperada nota máxima, Waleska já é porta bandeira do Zaca há 5 anos e vem gabaritando a nota máxima nesses anos. Nesse ultimo ano, passou por grandes momentos e por mais um desafio que foi a saída de seu Mestre-Sala, Kawan Alcides em meados de Novembro.

Assim que soube que seu mestre não desfilaria, pensou rapidamente em uma solução para dar continuidade ao projeto não deixando se abalar por uma serie de possíveis dificuldades. Ela nos fala que esse ano foi especial e muito desafiador por conta da nova parceria com Luan Caliel, de 20 anos, que já foi seu aluno na Amespbesp e dançava na Águia de Ouro como 3° Mestre-Sala e nunca tinha ostentado um primeiro pavilhão.

Os dois juntos contaram com muito apoio da sua comunidade e da diretoria da Acadêmicos do Tucuruvi pela escolha e ressalta que seu mestre foi muito determinado e se destacou com sua garra, mas foi com muito trabalho e muitas aulas.  

Os ensaios aconteciam todos os dias das 14h até as 20h em época de carnaval, de lá seguia para o ateliê para ensaiar com a fantasia mais 2 horas e faziam junto canto, interpretação, dança, tudo acompanhado com seu preparador. Ela nos fala o quanto foi valioso e gratificante esse trabalho e nunca deixou de acreditar que seriam capazes e também de trabalhar e acompanhar de perto o crescimento profissional de seu mestre, que juntos gabaritaram mais uma vez e ganharam vários prêmios fazendo com que todo esforço e dedicação valessem a pena com essa parceria, além de tudo, a volta da Acadêmicos do Tucuruvi para o grupo especial também foi marcante e importante.

Acervo Pessoal

Waleska é muito dedicada, esforçada e fala que esse ano foi o e colher os frutos plantados, que junto com seu mestre também aprendeu muito e frisa sua paixão pela dança de mestre sala e porta bandeira.

Ela também nos antecipa um dos seus projetos que é o projeto ATITUDE, um curso voltado a arte dos casais para conservação e manutenção da dança que acontecerá na quadra da Acadêmicos do Tucuruvi junto com seu amigo que também e Mestre sala Rhuanan.

O curso englobará informações técnicas da arte e também sobre a preparação física e alimentação que os casais devem ter para conseguirem um desempenho ainda melhor. Finalizamos aqui com a Historia de Waleska Gomes, uma história linda de muito empenho, garra, amor, determinação e superação um grande exemplo e inspiração para muitas Porta-Bandeiras.

Alessandra Amorim