Plataforma auxilia instituições de ensino na avaliação dos alunos

São Paulo 16/9/2020 –

Uma das grandes preocupações dos professores das instituições de ensino é avaliar o processo de aprendizagem dos alunos com a pandemia. A Prova Fácil auxilia os docentes a terem um diagnóstico fiel do nível de aprendizado das turmas e de cada aluno

Garantir a satisfação e o padrão de qualidade em uma instituição de ensino não são tarefas fáceis. No contexto de isolamento social, ocasionado pela pandemia do novo coronavírus, esse trabalho se tornou ainda mais difícil, representando um grande desafio para escolas, faculdades e professores, que tiveram que apostar no ensino a distância para a continuidade dos cronogramas acadêmicos.

Muitas destas instituições precisam pensar agora em como avaliar o nível de aprendizado das turmas. Essa avaliação diagnóstica é fundamental para saber o que deve ser melhorado, quais conteúdos devem ser revistos e como planejar as próximas atividades de forma assertiva.

Para auxiliar as escolas neste cenário, a Prova Fácil, plataforma de gestão de provas online do País, possui uma sistema automatizado. A partir da aplicação de uma prova com questões quantitativas das diversas áreas do conhecimento, é possível ter, por meio da ferramenta, acesso às informações de erros e acertos de cada questão pelo conjunto de alunos da turma que fez a avaliação – o que permite saber se determinado conceito foi bem assimilado por uma turma -, bem como pelos alunos individualmente.

A partir do diagnóstico, o docente elabora ações para atingir os objetivos esperados e suprir as necessidades. A avaliação da aprendizagem serve, desta forma, como subsídio para planejar o ensino. “A inclusão da tecnologia em sala de aula é mais do que um caminho, uma urgência. Se tornou aliada, ajudando o ensino a ter grandes avanços, como por exemplo, utilizar da tecnologia como método de avaliação diagnóstica”, explica Adriano Guimarães, CEO da Prova Fácil.

Com a plataforma, os professores ganham tempo na elaboração e na correção das questões e podem facilmente identificar se as dificuldades com determinadas matérias são do aluno ou da turma como um todo.
De acordo com Adriano Guimarães, diagnósticos por meio de sistemas eficazes e contínuos de avaliação são a chave para a construção de modelos de gestão educacionais mais precisos e eficientes, bem como para o acompanhamento individualizado adequado para cada aluno. “Se apropriar da tecnologia nesse processo é uma forma de tornar a avaliação educacional mais segura e prática”, conclui.

Passo a passo para uma gestão eficiente do ensino

1 – Diagnóstico da sala de aula – Efetuar o diagnóstico da turma é fundamental, por meio da prova ideal, com questões qualitativas contendo os conteúdos ministrados nas diversas disciplinas no período.

2 -Verificação de conteúdos que devem ser revistos para a melhoria do nível de aprendizado – A partir da correção da prova, é possível detectar quais as matérias que precisam ser revistas e quais conteúdos geraram mais dúvidas entre os alunos.

3 – Aposta na tecnologia para otimizar o tempo – Fazer tudo de forma automatizada com ferramentas como a Prova Fácil pode facilitar o processo e reduzir o tempo.

4 – Cruzamento de dados e geração de informações para aperfeiçoar o ensino prestado – De posse dos dados de cada turma, é possível fazer uma infinidade de cruzamentos de informações. O mapeamento da dificuldade dos alunos promovido com o auxílio da tecnologia permite um salto de qualidade na gestão pedagógica da instituição de ensino. Planeje as matérias e atividades dos próximos meses com base nestas informações.

Website: https://www.provafacilnaweb.com.br/

Artigo de