Bebês Reborn podem ajudar pacientes com demência

São Paulo, SP 8/9/2020 –

A terapia com o uso de Bebês Reborn podem levar pessoas com sintomas comportamentais negativos de volta à época de suas vidas em que cuidavam de seus filhos despertando lembranças positivas e proporcionando uma sensação de ser necessário e produtivo.

O cuidado com um paciente com Alzheimer ou com outras formas de demência necessita que o cuidador tenha a sensibilidade de interpretar o mundo em que se vive o paciente. É através dessa sensibilidade que é possível entender os sentimentos do paciente e proporcionar o melhor cuidado a ele.

Justamente por essa doença ser bastante complexa até nos dias de hoje, alguns países têm buscado formas alternativas de tratamentos não-farmacológicos para o Alzheimer e outras formas de demência. Como é o caso do Reino Unido, Japão e Austrália, que já introduziram a terapia com o uso de bonecas em pacientes, segundo pesquisa realizada por Mitchell G e O’Donnell H em 2013. De acordo com eles, cada vez mais pesquisadores têm buscado entender formas terapêuticas para melhorar a qualidade de vida das pessoas com demência. Sintomas como ansiedade, raiva, depressão, medo e insegurança são comuns em pacientes que sofrem essa doença, segundo mostra o estudo realizado por Gataric G., Kinsel B., Currie BG. e Lawhorne LW. em 2010.

No entanto, o uso de bonecas no tratamento terapêutico não funciona da mesma forma para todos, mas desde que gostem de crianças ou tenham boas recordações da paternidade/maternidade e que se mostrem interessados em ter uma boneca, apoiar esse interesse tem mostrado resultados positivos na diminuição do estresse desses pacientes e também no aumento da sua capacidade de se socializar, como mostra o artigo de Ellingford, J.

Ellingford conta em seu estudo durante 6 meses com 66 residentes com demência de 4 casas de repouso na Inglaterra, o grupo de 34 pacientes que teve intervenção da terapia com bonecas mostrou uma melhoria no seu bem-estar enquanto que o restante dos 32 pacientes que não passou pelo mesmo processo não obteve o mesmo resultado positivo no seu bem-estar.

Pessoas com demência podem não se lembrar de onde estão ou reconhecer o que está ao seu redor. Mas com a terapia com o uso de bonecas, muitas vezes só o fato de estarem segurando, carregando ou cuidando de uma boneca, isso lhes dá uma sensação de segurança. A boneca atua como uma âncora para onde eles estão e pode aliviar muito o seu medo. A pesquisa realizada em 2016 por Mitchell G., McCormack B. e McCance T. mostrou que o uso de bonecas no tratamento de demência pode reduzir a necessidade de medicamentos, diminuir os níveis de agitação, agressão e distração.

Como conta Gary Mitchell, autor de seu livro Doll Therapy in Dementia Care: Evidence and Practice e enfermeiro especialista na clínica Four Seasons Health Care facilities na Irlanda, “Ter uma boneca (…) oferece a eles uma âncora ou sensação de apego a algo num momento de muita incerteza”. Ele complementa ainda em seu livro que o fato de poder associar a boneca ao passado na juventude e também à função de ter alguém para cuidar podem ser benéficos para o paciente.
É nesse contexto que entram os Bebês Reborn muito comuns hoje no mercado nacional e internacional. São bonecas muito realistas sendo total ou parcialmente feitas manualmente justamente com o intuito de trazer à lembrança a sensação de estar segurando um bebê humano (tanto no tamanho quanto no peso).

Por conta da sua característica realística, Bebês Reborns têm sido usados para tratamentos comportamentais. É como mostrou a reportagem realizada pela RecordTV na qual foi evidenciado que houve um aumento na procura por Bebês Reborn no Brasil após a pandemia causada pelo Coronavírus. Por conta do distanciamento social, sintomas comportamentais negativos em pacientes com demência têm aumentado, segundo neurologista entrevistado na reportagem, e familiares que preferem não optar por soluções farmacológicas no tratamento têm buscado os Bebês Reborns como alternativa.

Muito além das características e detalhes realistas da bonecas Bebês Reborn, há no mercado aqueles que inclusive podem molhar e tomar banho. Esse foi um atributo que a UniDoll , por exemplo, uma loja online especializada em Bebês Reborn, trouxe em seus mais diversos modelos de boneca. Ao possibilitar o banho, clientes desfrutam de uma experiência ainda mais completa do cuidado ao outro.

Além de possibilitar o banho, muitos Bebês Reborns já acompanham itens necessários para complementar a experiência maternal, como chupeta, mamadeira e até certidão de nascimento. Você também encontra bonecas que acompanham os mais diversos conjuntos de roupas e sapatinhos que vestem até um bebê recém-nascido para tornar a experiência mais realística possível. Outros vão além, e orientam o passo a passo sobre como cuidar de sua Bebê Reborn para que se tenha a boneca por muitos anos e também ajudar aqueles que tenham dificuldade de manusear uma.

A terapia com uso de bonecas leva pessoas com sintomas comportamentais negativos de volta para a época de suas vidas em que cuidavam de seus filhos, ou de alguém especial, e se sentiam produtivos. Cuidar de uma boneca pode despertar lembranças positivas e proporcionar uma sensação de ser necessário beneficiando, por exemplo, pacientes com demência.
O mercado tem se adaptado ao que o consumidor tem buscado e por isso hoje as Bebês Reborn têm atingido tanto o público de crianças que queiram se divertir como adultos que buscam tratamentos psicológicos não-farmacológicos.

Website: https://www.unidoll.com.br/

Artigo de